sábado, 5 de maio de 2012

Os Eventos da Idade Média


A Idade Média, por sua vez, deu pouca importância aos eventos, sendo que dois tipos deles marcaram aquela época: os de caráter religioso – concílios e representações teatrais – e os de caráter comercial – feiras. O público dos concílios eram os membros do clero e o das feiras eram os mercadores.
O concílio – nome que se dá até hoje à reunião eclesiástica – era a reunião de membros do clero com o objetivo de estudar, debater e discutir temas relacionados à doutrina e aos dogmas da Igreja Católica.
As representações teatrais – que deram origem ao teatro atual, foram produzidas visando quebrar a monotonia dos rituais da missa. A encenação de uma passagem bíblica facilitava a compreensão do público. Com o passar do tempo, o teatro religioso foi ganhando fama e atraindo pessoas. As Igrejas tornaram-se pequenas para sua apresentação. Daí, a encenação em ruas, praças públicas e anfiteatros.
As feiras foram os eventos mais importantes da Idade Média e tinham o mesmo conceito das atuais – a exposição de produtos cultivados ou manufaturados pelos expositores, visando a conquista de clientes. A feira mais antiga data de 427, em Champagne, França

Nenhum comentário:

Postar um comentário